Ultimas Novidades

domingo, 10 de março de 2013

Antonio Meucci: O verdadeiro inventor do telefone.


Antonio Meucci: O verdadeiro inventor do telefone.

Atualmente o dia 10 de março é lembrado como o Dia do Telefone por causa que o aparelho foi patenteado nesse dia no ano de  1876, após a transmissão oficial da primeira mensagem, fazendo surgir a história das telecomunicações por todo o mundo. A escolha do dia do telefone foi em razão da data da patente da invenção.



Afinal, quem foi o inventor do telefone? Ao fazer essa pergunta aos meus alunos e amigos, logo aparece o nome de Alexander Graham Bell como criador. Mas será que é verdade? Por que atualmente nos noticiários, sites, revistas e nos livros de história ainda confirmam esta informação?


Até o ano de 2002, a autoria do invento do telefone era de Alexander Graham Bell que patenteou em 1876, invento este que teve outras pessoas reivindicando nos tribunais a autoria, mas apenas em 11 de junho de 2002, através da resolução Nº. 269, o Congresso Americano reconheceu que o verdadeiro inventor do telefone o italiano Antonio Meucci, alterando o inventor e data da invenção de 1876 para 1856. O inventor vendeu a patente do aparelho conhecido como telettrofono para o americano Alexander Graham Bell (1847-1922) fundador da companhia telefônica Bell e historicamente considerado o inventor do telefone, que em 1860 já havia descrito o aparelho em um jornal de língua italiana de Nova York com o nome de “teletrophone”.


Antonio Meucci levava a vida com várias funções, uma delas era a medicina. O italiano tratava seus pacientes com um método baseado na aplicação de pequenos choques. Certa vez, Meucci havia colocado um eletrodo ligado a um fio de cobre na boca de um paciente, e quando foi ligar o aparelho em outra sala, escutou o gemido do mesmo. Com isso, chegou à conclusão de que a voz poderia ser propagada por impulsos elétricos



Para desenvolver sua invenção, Meucci se mudou para uma cidadezinha próxima a Nova York, EUA, onde montou uma fábrica de velas; com o dinheiro que ganhou, aperfeiçoou seu invento. A novidade foi um sucesso na época, principalmente entre a colônia italiana nos EUA. Mesmo em virtude do relativo sucesso do invento, Meucci não obteve investidores capazes de apostar em sua ideia, pois muitos deles não viam utilidade em um “telégrafo que falasse”.

Passando por vários problemas financeiros e de saúde, Meucci não conseguiu nem a quantia de U$250, necessária para patentear seu invento. A patente foi feita por Graham Bell, o qual levou toda a fama de criador do telefone por anos.

Meucci tentou entrar na justiça diversas vezes contra Graham Bell, porém quando estava prestes a vencer toda a disputa na Suprema Corte, o italiano faleceu. Assim, Graham Bell acabou levando a fama e os milhões que a invenção o proporcionaria.


Um comentário :

  1. Impressionante​ essa história que Antônio Meucci é o inventor do telefone (Resolução 269, de 15/07/2017) aprovada pelo congresso do nacional dos Estados Unidos...

    ResponderExcluir